terça-feira, 24 de junho de 2008

Vivó São João

"Ó S. João d'onde vindes
Pela calma, sem chapeu,
Venho de ver as fogueiras
Que me acenderam no ceu

Mas acendem-lh'as cá na terra egualmente! Ou ellas não servissem para queimar as alcachofras, onde as raparigas vêem a sorte dos seus amores! Santos mais milagrosos poderá haver; mais populares não, que elle é a personificação mytica da alegria e o advogado do amor."
«O Minho Pittoresco»

10 comentários:

ana v. disse...

Cristina, disseram-me um dia destes que o S. João do Porto não é o S. João Baptista, mas sim um outro santo do séc. IVX, salvo erro. É verdade?

Cristina Ribeiro disse...

Ana, acho que a Igreja celebra neste dia o nascimento de S. João Baptista; este é, pois, parece-me, o Santo festejado no Porto, em Braga...

O Réprobo disse...

E, curiosamente, a queima da alcachofra existe também na Grã-Bretanha...
Terá origem céltica?
Beijo

Cristina Ribeiro disse...

Uma investigaçãozinha?
Beijo

Júlia Moura Lopes disse...

Bibó Poerto!
Bibó Son Jooen!

:-))))

Cristina Ribeiro disse...

Júlia, eu comi as sardinhas em Braga, mas longe da confusão; um S.João bem calmo :)

Nuno Castelo-Branco disse...

A Cristina foi ao Poârto? Bocêses sempre foram bãos em organizar as dibersões populares, carago!

Luísa disse...

Santo Deus, Cristina, já não como sardinhas há um milhão de anos e que saudades! Até senti, de repente, o cheiro delas… :-D

Cristina Ribeiro disse...

Nuno, fiquei por Braga :)

Cristina Ribeiro disse...

E as deste ano são particularmente boas, Luísa: pingam no pão :)